15 fevereiro, 2017

Contemple o sol vivo dentro de si
Desperte-se uma radiante manhã
Preencha de calor o seu sorriso
Ilumine-se de áureas labaredas
Seja própria luz de seus caminhos
Forte muralha de energia fluida
Contamine com a luz do seu olhar
Transcenda o equilíbrio que há em ti
Alegra seu coração com paz
E distribua amor por onde passar




13 fevereiro, 2017

Era tristeza ali
Talvez sadismo
Era necessidade
Uma loucura
Queria prazer
Jogava assim:
“Bate aqui
Xinga dali”
Humilhação
Hematoma
Nada no corpo
Nada visual
Era na alma
Tudo interno
Tudo obscuro
Era vítima
Sofria calado
Arisco
Arrepiado 
Tentativas diárias
de um amor frustrado