01 março, 2017

"E o que será de nós?" 
Perguntou.
"Vamos continuar, mas não será fácil"
Eu disse.
Os olhos se fecharam, adormeceram
As lágrimas se cristalizaram
E por um tempo, ali, doeram
O sol raiou e foi hora de dizer
Mas dizer o quê?          
Talvez, o que eu mais queria
Mas no silêncio doído que se fazia
Para trás ficou o último abraço
De pé, me vendo partir, guardado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário