09 agosto, 2017

Sentado no bar, pensei em você. Mas não pense que bebi, pelo contrário, me embriaguei de você. E sem conseguir conter, lágrimas começaram a escorrer. sem poder disfarçar, pedi tequila e disse que era de amor que eu chorava. Pois depois de bêbado, poderia, sem medo, desabafar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário